Associação de dados espaciais: uma análise exploratória para desenvolvimento econômico do estado do Pará

  • Ismael Matos da Silva
  • Antônio Cordeiro de Santana
  • Sérgio Castro Gomes
  • Manoel Malheiros Tourinho

Resumo

A influência das interações inter-regionais no processo de desenvolvimento de cidades urbanas e rurais tornou-se o foco das discussões acadêmicas nos anos mais recentes. Por meio das ferramentas da análise exploratória de dados espaciais (Aede), balizada no índice de Moran e no indicador local de associação espacial (Lisa), foi possível identificar coincidência de valores similares em regiões vizinhas em termos globais e detectar a dependência espacial em nível local. No Pará identificou-se a presença de autocorrelação espacial para as variáveis PIB, PIB per capita e números de APL, nas mesorregiões Metropolitana, Sudeste, Nordeste e Marajó, observando-se padrões de cluster de riqueza, pobreza e ilhas de riqueza. Os indicadores são úteis para formulação de políticas públicas de desenvolvimento focadas localmente na dinâmica das inter-relações regionais. Palavras-chave: Arranjos espaciais. Arranjo produtivo local (APL). PIB. PIB per capita.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-03-01
Como Citar
Silva, I., Santana, A., Gomes, S., & Tourinho, M. (2011). Associação de dados espaciais: uma análise exploratória para desenvolvimento econômico do estado do Pará. Revista Teoria E Evidência Econômica, 17(36). https://doi.org/10.5335/rtee.v17i36.4242