Análise sistêmica do Arranjo Produtivo Local (APL) de móveis de Santarém, estado do Pará

  • Priscilla Welligton Santos Gomes
  • Antônio Cordeiro de Santana
  • Francisco de Assis Oliveira
  • Marco Aurélio Dias Magalhães

Resumo

O objetivo do trabalho é diagnosticar o APL de móveis de Santarém, identificando os fatores positivos que podem se transformar em vantagens competitivas e as dificuldades que as empresas enfrentam para se desenvolver. O APL é formado por microempresas no segmento de móveis artesanais, empregando uma tecnologia obsoleta e mão de obra pouco qualificada. A pesquisa está fundamentada nas teorias das aglomerações produti-vas locais e competitividade industrial. O método utilizado foi o empírico estatístico. O processamento dos dados foi gerado pelo software Excel em planilha RedeSist padrão e as análises das tabelas, baseadas no referencial teórico destacado no trabalho. As principais limitações para o desenvolvimento do arranjo são acesso a crédito, novos mercados, design e qualidade da matéria-prima. Palavras-chave: Arranjo produtivo local. Móveis. Tecnologia. Competitividade.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2010-03-01
Como Citar
Gomes, P., Santana, A., Oliveira, F., & Magalhães, M. (2010). Análise sistêmica do Arranjo Produtivo Local (APL) de móveis de Santarém, estado do Pará. Revista Teoria E Evidência Econômica, 16(34). https://doi.org/10.5335/rtee.v16i34.4262