Serviço de expansão da triticultura: política quantitativa, transformações qualitativas no agronegócio da mesorregião Noroeste RS – 1940/1955

  • Clovis Tadeu Alves

Resumo

O artigo descreve o início da especialização produtiva agrícola na mesorregião Noroeste do Rio Grande do Sul, com a criação do Serviço de Expansão da Triticultura. Pretende identificar como um conjunto de medidas quantitativas geraram profundas transformações qualitativas na agricultura mesorregional, servindo de exemplo para a futura consolidação do moderno agronegócio brasileiro. Sendo que, o referido serviço proporcionou de forma pioneira a estrutura necessária para a produção de larga escala do trigo; induziu a formação de um ponto de inflexão na agricultura brasileira, pois pela primeira vez se produzia em larga escala no país outra cultura, além das tradicionais, café e cana-de-açúcar. Palavras-chave: Serviço de Expansão da Triticultura. Modernização Agrícola. Mesorregião Noroeste

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Alves, C. (1). Serviço de expansão da triticultura: política quantitativa, transformações qualitativas no agronegócio da mesorregião Noroeste RS – 1940/1955. Revista Teoria E Evidência Econômica, 20(42). https://doi.org/10.5335/rtee.v20i42.4477